Já chegou às lojas o aguardado novo álbum de Nick Jonas, “Last Year Was Complicated”, que o próprio descreveu como a obra mais pessoal que já compôs até hoje. O álbum chega depois de ter revelado dois já muito bem-sucedidos singles: “Close” (em dueto com a cantora Tove Lo) e “Chainsaw” (cujo vídeo conta com a participação da modelo portuguesa Sara Sampaio ).

Para assinalar o arranque da promoção a este “Last Year Was Complicated”, Nick Jonas atuou nos populares programas televisivos norte-americanos “The Today Show” e “The Tonight Show with Jimmy Fallon”. Hoje estará presente no “Watch What Happens Live” e amanhã no “ The Late Show with Stephen Colbert ”.

A imprensa tem vindo a criar bastante expetativa em torno do novo álbum de Nick Jonas e o próprio tem vindo a provocar os seus admiradores, tendo na semana passada divulgado um  teaser  do seu novo vídeo, para a canção “Bacon” (com Ty Dolla $ign), que se encontra disponível em exclusivo na plataforma Tidal.

Já o single “Close” ultrapassou os 100 milhões de streams no Spotify e chegou ao top 10 das canções mais ouvidas na rádio norte-americana.

À revista “Billboard” Nick Jonas confessou que “Last Year Was Complicated” é um projeto muito pessoal e que fala muito sobre o seu íntimo. “O que disse aos meus colaboradores foi de que tenho de ter a certeza de que tudo o que digo tem de ser significativo e cheio de coração, e englobar não apenas as histórias da minha vida real mas também quem eu sou, a minha personalidade.”

Já o single “Chainsaw”, tema catártico sobre o fim da sua última relação é, segundo o próprio: “A canção mais pessoal que alguma vez escrevi. Acho que é uma das mais fortes e, definitivamente, uma das mais íntimas”.

O vídeo deste single soma, até ao momento, mais de 4,6 milhões de visualizações no YouTube.

Além deste tema, “Last Year Was Complicated” conta ainda com a participação do rapper Big Sean na canção “ Good Girls ”.

Foi ainda lançada uma versão deluxe deste álbum que inclui mais seis canções ao alinhamento original, entre elas “When We Get Home”, um dueto com  Danielle Mason, e os anteriores singles “Jealous”, “Chains” e “Levels”, que fizeram parte do último álbum do cantor.